terça-feira, 3 de maio de 2011

"E numa louca corrida entregarei meu ser ao ser tempo e a minha voz á doce voz do vento. Despojado do que já não há, solto no vazio do que ainda não veio. Minha boca cantará cantos de alivio pelo que se foi, cantos de espera pelo que há de vir..."

3 comentários:

  1. filofia pura hehehe a cara de caio fernando.
    adorei o layout do seu blog :3

    http://issotudoporumlivro.blogspot.com/

    ResponderExcluir